Um blog onde damos primazia à informação curta, clara e concisa
Segunda-feira, 30 de Março de 2009
Ministro da Cultura inaugurou o Complexo Cultural do Palacete dos Melos

 

O ministro da Cultura, José António Pinto Ribeiro, inaugurou no sábado passado, dia 28 de Março, o Complexo Cultural do Palacete dos Melos em Borba. O histórico imóvel foi recuperado pela autarquia, num investimento de um milhão de euros, financiado por fundos comunitários, para albergar a Biblioteca Municipal e Espaço Internet, já instalados, e futuramente a Oficina da Criança e Ludoteca, dispondo de salas para a realização de diversas actividades culturais.

O Palacete dos Melos, também denominado Solar dos Fidalgos Sousa Carvalho Melo, é um edifício de grande valor arquitectónico, datado do século XVIII, construído em meados do século como residência da Família Sousa Carvalho e Melo, e está localizado na zona mais antiga da Vila de Borba. Da história deste edifício, relevância para o facto de ter sido aí instalada, em 1971, a Escola do Ciclo Preparatório D. Maria I, que se mudou para edifício próprio após o 25 de Abril de 1974. Está em processo de classificação como Imóvel de Interesse Público junto do IGESPAR.

Paralelamente à recuperação do edifício, decorreram dois importantes trabalhos de recuperação e restauro patrimoniais, de uma dezena e meia de telas do edifício, que se encontravam abandonadas no sótão da autarquia desde o período do 25 de Abril, e das pinturas murais que revestem os tectos e paredes de três salas do Palacete.

O Presidente da Câmara Municipal de Borba, Ângelo de Sá, fez o historial da recuperação do edifício e realçou o “esforço que a autarquia teve que fazer e o caminho que teve que trilhar até chegar o dia de colocar este equipamento ao serviço da população”, fruto de uma parceria entre o Poder Local, Regional e Central, de forma a receber diversas iniciativas culturais “aproveitando as instalações existentes e explorando as suas potencialidades”. Ângelo de Sá anunciou a intenção da autarquia em projectar e recuperar os edifícios a norte do edifício, atribuindo-lhe “diferentes funções de natureza lúdica e cultural”.

O ministro da Cultura começou por salientar que “é com prazer que o Ministério da Cultura acompanha obras de recuperação e restauro como esta, que têm o propósito de os devolver à população, tornando-os centros vivos”, e se insere naquilo que é a política do Ministério, fazendo um elogio “àqueles que sonham e realizam as obras, e que são capazes de perceber aquilo que são as necessidades”. José António Pinto Ribeiro considera necessário “passar de uma cultura do saber para uma cultura do fazer”, defendendo que a nova Biblioteca “deve desempenhar um papel central, que seja um espaço de cultura e criatividade”, endereçando um apelo aos munícipes do concelho, de que “invadam e ocupem este espaço”

O governante visitou ainda a Igreja do Real Convento das Servas, também recuperada pela autarquia para fins culturais, dispondo de auditório e sala de exposições e onde será instalado o futuro Museu das Profissões, num investimento de cerca de 50 mil euros, também financiada por fundos comunitários.

 



publicado por noticiasevora às 15:55
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9





posts recentes

Ciclo de Concertos Promen...

Em Montemor-o-Novo há mús...

Évora recebe “Tool Fair” ...

Câmara Municipal de Évora...

Évora homenageia “Manel d...

Reguengos de Monsaraz com...

Telemedicina já efectuou...

Évora comemora Dia Mundia...

Montemor-o-Novo comemora ...

Mora comemora 25 de Abril...

arquivos

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Newsletter

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds