Um blog onde damos primazia à informação curta, clara e concisa
Domingo, 9 de Novembro de 2008
Entidade Regional de Turismo do Alentejo gera críticas no PCP Alentejo

A decisão do PS e do Governo Sócrates, “sem auscultação às autarquias locais de eliminar as estruturas de âmbito regional para a área do turismo”, por um lado “reflecte um profundo desrespeito pelas populações, pelo poder local democrático, pelos agentes de turismo e por todos os que ao longo de muitos anos foram verdadeiras referências nacionais na área do turismo e por outro, a criação da denominadas Entidades Regionais e Pólos de Turismo, tem como objectivo central ir ao encontro dos grandes grupos económicos e financeiros e de governamentalização de tão importante sector”.

De acordo com o PCP, nos últimos dias tem-se assistido a um conjunto de intervenções dos responsáveis do PS no Alentejo, na área do turismo, que no fundamental procuram responsabilizar o PCP e as Câmaras Municipais geridas pela CDU do seu fracasso em tentarem impor um modelo de turismo na região que contraria os muitos anos de uma relação frutuosa entre o Poder Local e as estruturas ligadas ao sector do turismo.

Como referenciado em comunicado da DRA do passado dia 13 de Maio, “o PS não se conforma com a vontade popular e quando não atinge os seus objectivos nas urnas, promove o golpismo e o assalto às instituições democráticas que emanaram da vontade livremente expressa pelo povo”, afirma, acrescentando que foi exactamente isto que se passou com a criação da denominada Entidade Regional de Turismo do Alentejo e dos denominados pólos do Litoral Alentejano e do Alqueva”.

A DRA do PCP considera inaceitável que os responsáveis do PS no Alentejo, designadamente pela área do turismo, “venham dizer que a não entrada na actual estrutura das Câmaras Municipais da CDU é jogo político/partidário – numa questão tão sensível quanto o é o Sector do Turismo”.

Este mesmo partido reitera a sua oposição firme “contra a fraude e o assalto ao poder por parte da direcção do PS às estruturas Inter-Municipais, de que as Regiões de Turismo são exemplo acabado”.

O PS nomeou para a Comissão Instaladora “gente da sua área politica – chegando à irresponsabilidade, cúmulo e descaramento, num misto de sectarismo e prepotência, de não nomear o único presidente de uma região de turismo do Alentejo dirigida por um comunista”.

Deste modo, a Direcção Regional do Alentejo do PCP não pode deixar de manifestar o seu”mais vivo repúdio pela tentativa de dirigentes do PS em responsabilizar o PCP pelo fracasso das suas decisões na região”. Denuncia ainda “o facto de o PS e os seus agentes na região, por um lado não quererem o PCP e os seus representantes no sector do turismo e por outro dizerem que é inaceitável a posição do PCP ao não entrar de imediato na estrutura agora criada”.

 



publicado por noticiasevora às 12:41
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9





posts recentes

Ciclo de Concertos Promen...

Em Montemor-o-Novo há mús...

Évora recebe “Tool Fair” ...

Câmara Municipal de Évora...

Évora homenageia “Manel d...

Reguengos de Monsaraz com...

Telemedicina já efectuou...

Évora comemora Dia Mundia...

Montemor-o-Novo comemora ...

Mora comemora 25 de Abril...

arquivos

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

blogs SAPO
subscrever feeds