Um blog onde damos primazia à informação curta, clara e concisa
Sexta-feira, 30 de Novembro de 2007
Duas mil curvas em 180 minutos no Kartódromo de Évora


O Kartódromo de Évora realiza no próximo dia 16 de Dezembro a já tradicional prova de fim de ano, 2007 Curvas Kartevora. Trata-se de uma prova com a duração de 180 minutos, sendo este o tempo estimado para perfazer duas mil curvas ao Kartódromo de Évora.

De acordo com a organização, a prova destina-se a equipas entre três e cinco elementos e tem o valor de inscrição de 175 Euros. “Desta forma, a prova apresenta-se como ideal para pequenos grupos de amigos que queiram desta forma passar um dia diferente no Kartódromo de Évora”, afirma a mesma fonte.

O prémio para a equipa vencedora será a oferta da inscrição na mesma, as restantes equipas receberão um troféu de participação no final da corrida.

Segundo a organização, esta iniciativa tem registado grande procura, estando já confirmadas 14 equipas divididas entre praticantes espanhóis e portugueses.

No programa há a salientar entre as 10h30m e as 11h, os treinos cronometrados, às 11h, o início da prova e às 14h30m, a entrega dos prémios.

O kartódromo localiza-se à entrada de Évora, sentido de Lisboa, tendo sido inaugurado em Novembro de 1987, data desde a qual, “por ter sido uma das primeiras infra-estruturas de karting em Portugal, tem contribuido para o desenvolvimento da modalidade no nosso país”, sustenta a direcção. Desde a primeira hora pretendeu levar a vertente de lazer à modalidade, iniciando o aluguer individual de karts. Mais tarde foi pioneiro na realização de provas para grupos.

Actualmente, tem uma pista que conjuga o traçado técnico com a velocidade, com um perímetro de 908 metros e sete de largura constante, oferece uma frota de aluguer de mais de 70 karts, bancada panorâmica, oficina, balneários e loja.

 

 

 



publicado por noticiasevora às 17:01
link do post | comentar | favorito

Reguengos de Monsaraz investe 640 mil euros em jardim-de-infância





O Município de Reguengos de Monsaraz vai avançar no primeiro trimestre do próximo ano com a construção de um jardim-de-infância na cidade. Um investimento superior a 640 mil euros que vai ficar localizado junto à futura creche que a Fundação Maria Inácia Vogado Perdigão Silva vai edificar e à actual Escola Básica do 1º Ciclo de Reguengos de Monsaraz, “completando um complexo de estabelecimentos modernos destinados a acompanhar os primeiros anos de vida das crianças”, sustenta a autarquia em comunicado.

De acordo com as mesma fonte, o jardim-de-infância terá cinco salas de actividades, uma sala polivalente que funcionará como espaço de ginásio e de recreio coberto, enfermaria, recepção, gabinete de direcção, espaços para funcionários e instalações sanitárias equipadas com duches e com acessos para deficientes motores. Vai dispor também de uma cozinha semi-industrial, apetrechada de dispensa de dia, armazém, economato e um cais adjacente para acesso de mercadorias. Haverá ainda um parque de estacionamento para os funcionários e pais das crianças.

No sentido de criar economias de escala na exploração dos serviços de apoio quer ao jardim-de-infância, quer à creche, existirá uma zona comum entre ambas que vai integrar o refeitório, a cozinha, depósito de roupas e instalações de pessoal (vestiário, descanso e instalações sanitárias).

“Como filosofia geral de intervenção, entendeu-se que, tratando-se de um edifício dedicado ao apoio à infância, deveria ser privilegiada a privacidade e intimidade dos espaços, de forma a atenuar a permanência longe do lar e da família para as crianças, e simultaneamente estimular uma relação com a natureza”, afirma a edilidade, acrescentando que as salas de actividades desenvolvem-se à volta de uma área ajardinada exterior que relaciona as crianças com a natureza, não as expondo directamente ao mundo urbano.

José Calixto, vice-presidente da Câmara Municipal de Reguengos de Monsaraz refere que no final do próximo ano, com a entrada em funcionamento da creche em Reguengos de Monsaraz e de outra em S. Pedro do Corval, “o concelho vai ultrapassar a actual média do distrito de Évora e da União Europeia quanto à taxa de cobertura de vagas em infantários, atingindo os 35,9 por cento”, colocando à disposição de todos os munícipes “modernas infra-estruturas que vão facilitar a vida das famílias”.



publicado por noticiasevora às 15:04
link do post | comentar | favorito

mais sobre mim
pesquisar
 
Abril 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9





posts recentes

Ciclo de Concertos Promen...

Em Montemor-o-Novo há mús...

Évora recebe “Tool Fair” ...

Câmara Municipal de Évora...

Évora homenageia “Manel d...

Reguengos de Monsaraz com...

Telemedicina já efectuou...

Évora comemora Dia Mundia...

Montemor-o-Novo comemora ...

Mora comemora 25 de Abril...

arquivos

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Newsletter

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds